CADASTRE-SE

China eliminará capacidade de produção de cimento obsoleta para diminuir emissões

cimentochinaA China pretende eliminar 250 milhões de toneladas de capacidade de produção obsoleta na indústria de cimento no período de 2011 a 2015, informou nesta terça-feira o Ministério da Indústria e Informatização do país.
A produção combinada das dez maiores companhias de cimento da China responderá por 35% do total nacional em 2015, 25% a mais que em 2010, de acordo com o 12º Plano Quinquenal sobre a indústria de materiais de construção divulgado pelo ministério.
Os produtores de cimento devem diminuir as emissões de óxido de nitrogênio em 10% e as de dióxido de enxofre em 8% no período, segundo o ministério.
Durante o período quinquenal, as emissões de dióxido de carbono por unidade do valor agregado industrial serão reduzidas em 17%, de acordo com o plano.
O ministério indicou que o valor agregado industrial das companhias de cimento se expandirá a uma taxa média anual de mais de 10% de 2011 a 2015.
Prevê-se que a demanda do mercado doméstico por cimento aumentará de 3% a 4% em média por ano e chegará a 2,2 bilhões de toneladas em 2015, um ritmo mais devagar que o nível atual conforme o país aumenta seus esforços para tornar sua economia mais dependente de tecnologias e consumo do que de investimento de ativos fixos.
A produção de cimento da China aumentou 18% na comparação anual para 1,7 bilhão de toneladas nos primeiros dez meses de 2011, de acordo com dados oficiais.

Postado em:
29 nov 2011 às 16:36hs
Icone do Facebook Icone do Twitter Icone do Google Plus Icone do Linkedin


Outras Notícias


Parceiros