www.cimentonline.com.br

Cimento: Venda diária cresce 9,3% em julho

A venda de cimento no Brasil em julho registrou uma queda de 11,7% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Já as vendas acumuladas no período de janeiro a julho/16, registraram queda de 13,1% ante o mesmo período de 2015, quando as vendas somavam 38,4 milhões de toneladas e no período atual o volume comercializado foi de apenas 33,4 milhões de toneladas.

OrigemJulho/15Julho/16Dif %Jan-Jul/15
jan-Jul/16Dif %
Norte303275-9,2%1.8611.720-7,6%
Nordeste1.2641.121-11,3%8.3607.384-11,7%
Centro-Oeste722592-18,0%4.4523.595-19,2%
Sudeste2.7612.280-17,4%17.93815.042-16,1%
Sul79188812,3%5.7715.609-2,8%
5.8415.156-11,7%-11,7%38.38233.350-13,1%

Os números absolutos, tanto do mês de julho especificamente, como do período acumulado de 2016, deixa claro que o mercado cimenteiro ainda não começou a reagir positivamente. Mas, analisando os números com mais atenção, na comparação por dia útil, que é o melhor indicador da indústria,  por considerar o número de dias efetivamente trabalhados e que exerce forte influência no consumo de cimento do país, percebe-se que o consumo diário de cimento em julho cresceu mais de 9% em relação aos números realizados no mês anterior.

 Como?

O volume de cimento comercializado por dia útil em julho/16, um total de 219.400 toneladas/dia (algo em torno de 4,4 milhões de sacos de 50 quilogramas), foi o maior volume diário de cimento comercializado desde novembro de 2015 e, comparando esses números diários, com os números diários do mês anterior de 200.800 toneladas/o crescimento nas vendas diárias de cimento no país, em julho deste ano fechou 9,3% maior que as vendas diárias realizadas em junho.

CimentOnline - Toda Obra Começa Aqui

Vendas diárias de novembro/15 a Julho/16

 

Variação %-6,1% -11,4% -0,4% 11,1%-7,1%2,3%-2,7%-0,5% 9,3%
Mesesno/15dez/15jan/16fev/16 mar/16abr/16 mai/16 jun/16jul/16
1.000 Ton/dia222,8 197,3196,6218,4202,8207,5201,9200,8219,4

Previsões para Agosto

Uma conta animadora é que no mês em curso, com 25 dias úteis (utilizando os mesmos critérios de se excluir os feriados nacionais e considerar os sábados como ½ dia útil para venda), mesmo que a venda nada cresça por dia útil, ou seja, mantenha-se em 219.400 toneladas/diárias, teremos ao final de agosto um volume absoluto comercializado de 5,485 milhões de toneladas no mês, que se aproximará do mesmo volume comercializado em agosto do ano passado, que foi de 5,595 milhões de toneladas.

A aposta em um pequeno crescimento

Considerando que o mercado tenha chegado ao fundo do poço em junho/julho e que esteja sinalizando uma tímida recuperação na economia, caso tenhamos um crescimento de 2% nas vendas diárias de cimento, ao final de agosto em relação a julho, o que é não é impossível, já que no ano 2015, de um mês para o outro esse mesmo crescimento chegou aos 5%… Lá para os dias 9 a 10 de setembro próximo, quando da divulgação dos números comercializados neste mês de agosto, possivelmente registraremos o primeiro mês com crescimento em vendas de cimento deste ano, em relação a um mesmo mês do ano anterior. É certo que esse possível pequeno crescimento não alavancará, ainda, os números das vendas acumuladas do período (até agosto/16), que ainda apresentará queda aproximada de 13 por cento, mas poderá diminuir a pressão e as expectativas negativas que apontam para uma queda de 12 a 15 por cento no ano, trazendo a tendência para o menor percentual, ou,  dependendo ainda de outros resultados satisfatórios nos meses do último quadrimestre, reduzir a queda projetada em até 2 pontos percentuais.

CimentOnline - Toda Obra Começa Aqui

Postado em:
9 ago 2016 às 17:30hs
Icone do Facebook Icone do Twitter Icone do Google Plus Icone do Linkedin


Outras Notícias


Parceiros