CADASTRE-SE

Indústria de cimento na Índia

Indústria de cimento na Índia
O cimento é um dos setores de base, que desempenha um papel vital no crescimento e desenvolvimento de uma nação. A indústria cimenteira ocupa um lugar importante na economia indiana, sendo o país o segundo maior produtor de cimento no mundo.

Há na ìndia 139 grandes fábricas de cimento e mais de 365 mini-fábricas de cimento. O país tem um total de 40 grupos ou empresas produtoras de cimento operando em seu território.

A demanda por cimento depende principalmente das atividades industriais, negócios imobiliários, atividades de construção e investimentos no setor de infraestrutura. Com a exigência, cada vez maior, de infraestrutura, além do aparecimento de várias Zonas Econômicas Especiais (ZEE) que está sendo desenvolvido em todo o país, há uma enorme demanda por cimento.

” A expectativa é que o consumo de cimento da Índia cresça o dobro das taxas de crescimento do país e os preços melhorem em 2013 e 2014″, conforme afirmou um relatório de pesquisa da Anand Rathi.

Tamanho do Mercado

O cimento e o gesso atraiu investimentos estrangeiros diretos (IED) no valor de U$ 2,618 milhões entre abril de 2000 e agosto de 2012, de acordo com os dados publicados pelo Departamento de Política Industrial e Promoção (Dipp).

A demanda por cimento cresceu 10% em 2011, conforme relatório anual ACC Ltd. E a capacidade total instalada da Índia passou de 320 milhões de toneladas por ano (Mtpa).

A indústria do cimento planeja adicionar nova capacidade de cerca de 71 toneladas nos próximos dois anos. Atualmente, tem uma capacidade instalada de mais de 315 MT para atender a demanda de cerca de 230 MT.

“Espera-se que o setor da indústria de cimento contoinue aumentando a sua produção anual nos próximos anos e a produção de cimento do país deverá alcançar 12% em relação a 2011 e da mesma forma em 2013, para chegar MMT 303, “de acordo com um relatório intitulado RNCOS ‘Previsão Indústria Indiana cimento para 2012’.

Investimentos

  • Cement Corporation da Índia (CCI) prevê a criação de uma unidade de moagem de cimento com uma capacidade instalada de 82.500 toneladas por ano, com base em turno único, a um custo de U$ 7,18 milhões dólares no distrito de Cachar, Assam;
  • O Grupo alemão de cimento Heidelberg Cemente e grande empresas nacionais, incluindo Ultratech e Cimentos Reliance têm evidenciado o interesse de fazer uma joint venture (JV) com a estatal Rashtriya Ispat Nigam de U$ 180,31 milhões dólares americanos, em 3 fábrica de cimento MTPA em Vizag
  • Reliance Cement Company Pvt. Ltd (CCR), uma subsidiária da Reliance Infrastructure Ltd, iniciou a produção de cimento a partir de sua primeira unidade fabril no Butibori, Nagpur, em Maharashtra. RCC é a construção de duas fábricas de cimento, com uma capacidade total de 10 MT, em Madhya Pradesh e Maharashtra com associados plantas de moagem;
  • Índia Cimentos iniciou o trabalho de expansão para adicionar mais de três toneladas, duas das suas fábricas do cimento em Tamil Nadu;
  • Kolkata, uma empresa imobiliária do Grupo Roofers, implantará uma fábrica de cimento de 200 toneladas por dia no distrito de Midnapore do Estado
  • Capacidade operacional total de unidades da região Nordeste do cimento deverá 7 MT em 2013-14. O projetado anual  de crescimento da demanda para a região é de cerca de 20 por cento para os próximos anos;
  • A Unidade Ambuja Cements “planta integrada a Chandrapur, em Maharashtra, a Maratha Cimento Works (MCW) recebeu o prémio de ouro referente aos  Prmios Segurança Sistema de Excelência

Postado em:
12 jan 2013 às 10:08hs
Icone do Facebook Icone do Twitter Icone do Google Plus Icone do Linkedin


Outras Notícias


Parceiros